Confissões de Uma Mente Perigosa

Como ando sem paciência! Adoraria culpar o mundo, mas quando vemos problema no mundo inteiro, o problema está em nós mesmos. Portanto, a culpa deve ser de Saturno que está em alguma das minhas casas astrais ou então dos meus hormônios, essas liberações químicas que afetam o meu humor.

saturno trotamundostatisato

Estou com o clima para brigas. Qualquer coisa que qualquer infeliz fale para mim nesses dias e eu não goste ficará gravado na minha memória até que possa arrancar a jugular daquela pessoa e limpar minha alma com o seu sangue. Mas, como acredito que isso seja uma atitude ilegal na maioria dos países do mundo (o dia que isso não for ilegal, acho que mato metade da população humana), tenho que encontrar outras formas de desestressar e tentar relaxar…

Nos dias que minha raiva se encontra no pico, fujo para a academia. Talvez seja esse o motivo pelo qual o Projeto Ivete Sangalo (= pernas lindas!) esteja indo tão bem. O que acontece é que, quando acordo, penso em como será meu dia com os olhos semicerrados e a mente vagando entre o mundo real e o dos sonhos. Então, pouco a pouco, vou entrando em contato comigo mesma e com o meu humor.

Algumas vezes, acordo em paz e, se me lembro de algo que alguém fez para mim nos últimos tempos que continua engasgado, levanto uma sobrancelha e penso que ninguém é perfeito. Respiro fundo e passa. Esses são os dias bons.

Nos dias ruins, acordo com vontade de brigar. Fazia anos que não acordava com o humor de brigas. Mas, algumas vezes minhas lembranças me fazem ficar com sangue nos olhos e a vontade louca de arrancar a jugular de alguém, depois de uma sessão de tortura que pode ter início com agulhas embaixo das unhas.

Vamos combinar que acordar com esse humor não é legal, mas não existe muita coisa que eu possa fazer além de ir à academia e tentar produzir a maior quantidade de endorfina possível para elevar o meu humor. E, se ainda assim o meu humor não melhorar muito, sempre posso contar com o cansaço físico que não me permitirá fazer nenhuma besteira…

Mas, pior que acordar em um humor assim, é ter que ouvir as pessoas dizendo que você não tem motivo para ficar daquela forma. Perdão? Eu sei que não tenho nenhum motivo para ficar assim: eu não sou burra, só sou psicopata! Além disso, não consigo controlar meus hormônios. Então, se você não quiser ter sua cabeça arrancada a machadadas ou descobrir se você consegue voar, não me enche o saco! E, depois que esse roteiro se passa pela minha cabeça, sempre terminando com a cena de uma cabeça (ou um corpo) voando, eu abro um leve sorriso amarelo. Afinal, ninguém tem culpa de não conseguir entender as nuances de uma personalidade complexa e interessante como a minha (embora algumas pessoas possam preferir o uso de palavras como psicopata e boarderline para a mesma situação).

Por isso que, às vezes, eu preciso reclamar porque, nesses dias, nem chorar adianta. Preciso reclamar até cansar, assistir alguma das séries que baixo no meu computador e dormir. Porque, nesses dias, seria melhor se nem me levantasse da cama…

OK, admito que a minha personalidade é forte e não é qualquer pessoa que consegue lidar com ela. Por Deus, há dias que eu mesma, que nasci nesse corpo, não consigo lidar com toda ela! Tenho uma personalidade vibrante e sou feita de exageros e de contrastes: de loucura e de lucidez, de bondade e maldade, de alegrias e tristezas, de compreensão e um afiado sarcasmo, de matéria e sonhos. Algumas vezes nem eu mesma consigo entender como tudo isso, toda essa teimosia e graça, loucura e inteligência (afinal, ninguém é feito só de defeitos. Também precisamos aprender a reconhecer nossas qualidades), cabe em apenas 1,64m de altura e 61kgs de massa corporal, mas tudo bem. Cheguei à conclusão de que não preciso entender tudo na vida… Agora só preciso aceitar essa conclusão como uma verdade!

Minha sábia mãe, uma das pessoas mais inteligentes que conheço, me disse uma coisa que senti como verdade. Todos nós somos feitos de luz e sombra, sem exceção e quanto mais intensidade tiver nossas luzes, mais intensas serão nossas sombras. Portanto, devemos sempre buscar o meio termo, um lugar onde as luzes e sombras não sejam tão intensos. E isso fez o maior sentido do mundo! Acho que por essa personalidade dramática, de uma pessoa que já amou os palcos do teatro e suas luzes, encontrar esse balanço é um pouco complicado. Ou, talvez, isso tudo seja apenas eu e me cabe a aceitá-lo por completo…

"eu tô cansado do pra lá e pra cá. eu quero brisa leve. se a vida pe faísca, que brilhe devagar" - apanhador só, vitta, ian, cassales Faço suas, minhas palavras

“eu tô cansado do pra lá e pra cá. eu quero brisa leve. se a vida pe faísca, que brilhe devagar” – apanhador só, vitta, ian, cassales
Faço suas, minhas palavras

Creative Commons License
Trotamundos by Tati Sato is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Unported License.
Based on a work at https://tatisatotrotamundos.wordpress.com”>

Anúncios

2 comentários sobre “Confissões de Uma Mente Perigosa

  1. Tati querida te entendo supeeeeer!

    Tenho também uma personalidade hiper forte e sou a inconstância em forma de Ser Humano hehehe. Chamada de louca sempre sou, de bipolar, de tudo que se possa imaginar, mas no final ninguém vive sem gente como a gente! Nós sacudimos a vida alheia até no dia que o mau humor é tanto que soltamos tantas verdades na cara do primeiro que fizer uma pergunta estúpida!

    Por acaso vc é do signo de Peixes com ascendente em Libra? ahahaha explicaria MTA coisa!

    Espero que encontre o meio termo de suas sombras e luzes pq eu ainda tenho um caminho loooooongo para conseguir isso rs…

    Bjs Bá

    • Oi Bá!

      Eu PRECISO encontrar o meio termo porque cansei dessa intensidade toda. Porque não dá… Juro, amo minha astróloga que sempre acerta como será meu ano… E eu passei por dois anos fluídos e tranqüilos que não brigava com ninguém. Agora a coisa apertou, Saturno está em alguma das minhas casas e vai na porrada… Tem que ir… E eu quero tranqüilidade!!! HAHA!

      Eu deixo os outros loucos com essa minha personalidade! Imagina essa pessoa com a personalidade que não lhe cabe no corpo no meio desses filipinos que são um povo que não entram em conflitos (tudo é sempre sim e eu quero morrer com isso)? Todo mundo tem medo de mim! Meu marido/melhor amigo disse que preciso me controlar… Quase arranquei sua cabeça! Haha!

      Beijo enorme!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s