O Dia de 60 Horas…

Sei que ando em falta com o Trotamundos e com todas as outras publicações para as quais escrevo. Adoraria dizer que a falta de tempo é só uma desculpa, mas, ultimamente, meu dia deveria ter 48 horas das quais eu dormiria apenas 8… Eu preciso de mais tempo!

Se o mês de julho pareceu ter 60 dias, o mês de agosto precisaria ter esses 60 dias para que pudesse completar todas as tarefas que tenho que fazer. O fato é que acabei de ser nomeada para uma promoção (eba!), o que é ótimo porque fui reconhecida como uma ótima funcionária. O ruim disso é que ainda não tenho uma substituta e, por isso, além das novas tarefas que me estão sendo passadas pouco a pouco (imagina se recebesse tudo de uma vez? Precisaria, então, que o dia tivesse 60 horas, no mínimo), tenho, ainda, que processar as tarefas do meu antigo dia-a-dia.

Continuar lendo